Reunião D3 - Sprint p/ argumentário de estudos sobre a partilha


#1

Na sequência do que vem a ser debatido aqui:

Cria-se este tópico para discutir o assunto e organizar-se o encontro. Vou aproveitar as palavras do Ricardo nesse tópico, em que ele explica a ideia e o propósito do encontro, para quem ainda não estiver dentro do assunto:
(se estiverem a ler no Discourse, carreguem no Summary)

[details=Summary]> O principal objetivo de construir um argumentário é servir de ferramenta para todas e todos nós podermos responder calma e eficazmente aos argumentos anti-partilha – entre nós todos concordamos que temos razão, mas vamos ter de ir lá para fora discutir com pessoas de outros quadrantes, e temos a obrigação de mostrar publicamente que temos os nossos argumentos no sítio. Acho que este fio mostra que é um bom momento para avançarmos para essa iniciativa (mil obrigados, Paula!) mas temos também de assegurar que o esforço tem frutos e corre bem – não chega termos boa vontade e ir fazendo.

> Creio que reunir, estudar e desfiar os estudos da indústria é uma ótima forma de começar esse esforço: não só podemos rapidamente juntar num só sítio o âmago e o “estado da arte” da argumentação anti-partilha em Portugal, como já nos dá um excelente conhecimento de causa para contrapôr o lugar-comum “está provado que…”, que pela minha experiência é extremamente comum e difícil de rebater sem conhecimento de causa.

> A partir daí, podemos então começar a escrever e a editar um argumentário em que reuniríamos duas vertentes:

> os pilares da argumentação anti-partilha e os contra-argumentos para os rebater
> e os argumentos centrais para, enquanto D3, defendermos a partilha e a preservação da internet como meio de partilha e florescimento cultural

> Não duvido que, em conjunto, possamos rapidamente erguer e enriquecer esse argumentário. Acho também que podemos e devemos começar muito rapidamente.

> No entanto, os anos de experiência obrigam-me a ressalvar que a facilidade técnica e a disponibilidade momentânea não chegam. Já vi muitas wikis e plataformas a aparecer para a edição coletiva online que acabam por morrer rapidamente por falta de organização e estrutura, levando ao burnout e desmotivação para envolvimento futuro. Digo já isto para almofadar a proposta que vou fazer de metodologia prática:

> Creio que a forma correta de começarmos este esforço deveria ser um sprint presencial, de um ou dois dias (fim-de-semana), em que nos juntamos, discutimos formatos, plataformas e formas de coordenar o esforço de análise, escrita e edição para o nosso argumentário sobre a partilha. O objetivo deste encontro seria chegarmos a uma versão 1.0 do nosso argumentário – aberta a melhoramentos futuros, mas pronta e relativamente finalizada (nada de “depois vê-se”). A dimensão física motiva a discussão civil e consequente, além de beneficiarmos do lado humano de passarmos um bom bocado com gente que partilha do nosso ponto de vista, a construir algo muito importante não só para a D3, mas para todo o tecido de pessoas que defendem um outro modelo de cultura e partilha. [/details]

O encontro será em Lisboa, num fim de semana (possivelmente durante os dois dias).

Definição de datas

Por favor votem conforme a vossa disponibilidade.
https://framadate.org/L9qnwqZmaQxQmJd1


#2

Obrigado por criares o fio, Ed! Rectifiquei o nome para ser mais claro.

Vou rever a agenda e assinalar as disponibilidades logo que possa.


#3

Até agora temos uma “data vencedora” para 30 de Setembro, mas convinha saber se não há mais interessados…


#4

Também já respondi, continua a data vencedora


#5

Também respondi e gostava muito de ajudar (desculpem, tenho andado um pouco “adormecida”). Eu posso no dia 30 se for de manhã (ou até às 15h30(, que tenho aulas a partir das 16h.


#6

Boas,

Eu queria apenas salientar que na minha opinião o conteúdo mais útil que se poderia retirar deste sprint deveria ser relacionado com a reforma europeia agora a decorrer: https://dd.indie.host/t/reforma-europeia-do-direito-de-autor/403

É sempre interessante debater aspectos gerais tais como quanto tempo deveria durar o copyright, ou desmontar as tretas que a indústria conta sobre a partilha de ficheiros, etc. Mas neste momento - agora - está a discutir-se uma reforma à lei do direito de autor, algo que é muito raro, tem consequências práticas directas sobre os cidadãos, e, depois de estar feita, costuma vigorar durante anos a fio - a directiva actual tem mais de 16 anos.

Não posso deixar de pensar que se passarmos esta altura crucial a focar-nos em questões muito teóricas em vez de nos debruçarmos sobre as questões práticas da reforma que estão em cima da mesa, vamos passar pelo menos mais 16 anos a lamentar-nos.


#7

Ok, podemos então assentar já dia 30, manhã e tarde?

Face ao pedido do Eduardo, proponho que fizéssemos o sprint de manhã e ao início da tarde, e que reservemos um par de horas para debater a questão da reforma europeia do copyright e pensar o que podemos fazer.

Considero que o sprint é de grande importância para começarmos a construir o tal argumentário e para podermos fazer trabalho prático juntos; no entanto a preocupação do Eduardo é relevante e devemos aproveitar o estarmos juntos no mesmo espaço para acertar agulhas. Acho que o sprint vai dar uma óptima base para a discussão sobre a diretiva, e acho que com esta sequência vamos conseguir ter algum trabalho feito durante o sprint que nos dará energia para pensar em next steps.

Concordam?

Próximos passos:

  • definir as horas exactas mal tenhamos confirmação que o “programa” está ok para todos (proposta: 10-18)
  • marcar local

Com isto pronto, podemos começar a divulgação da primeira summit D3 :o)


#8

Boas,

Ok, podemos então assentar já dia 30, manhã e tarde?

Siga.

Face ao pedido do Eduardo, proponho que fizéssemos o sprint de manhã e ao início da tarde, e que reservemos um par de horas para debater a questão da reforma europeia do copyright e pensar o que podemos fazer.

Parece-me bem.

definir as horas exactas mal tenhamos confirmação que o “programa” está ok para todos (proposta: 10-18)

Concordo.

marcar local

Sugeriria nos jardins da Gulbenkian onde foi o encontro anterior.


#9

Boas,
Também gostaria de ir.
Dia 30 posso e qualquer hora serve. Nos jardins da Gulbenkian seria perfeito :slight_smile:


#10

Super, desde que haja net fiável e onde ligar os PC’s, bora lá!


#11

Eu concordo com tudo, mas acho que pode haver um problema: tomadas. Não
tenho a certeza se há tomadas na cafetaria da Gulbenkian. Não me tinha
lembrado disto.
Há aqui algumas sugestões, ainda que algumas sejam descartadas pelos
comentários:

Também podemos optar por uma biblioteca municipal, mas nem todas estão
abertas ao sábado.
http://blx.cm-lisboa.pt/gca/index.php?id=224&idbloco=224

Alguém se lembra de um espaço que tenha tomadas e wifi?


#12

Ois,

A ideia inicial era fazer isto num fim de semana, num dia ou mesmo em dois (vide aqui, por exemplo).

As datas do framadate reportavam-se aos fins de semana de dia X, Y e Z (Sábados), mas não necessariamente a esses dias em concreto. Não retirem daí que o encontro só pudesse ser num dia e só pudesse ser ao Sábado, que, tanto quanto me lembro, ninguém se pronunciou sobre isso.

Dito isto, eu ao Sábados tenho um curso e só estou despachado às 13h15 (fosse qual fosse o Sábado que calhasse). Portanto sugeria que fizéssemos um pouquito mais tarde - Sábado às 13h30 (piquenique! :smiley: ) - 20h, Domingo, ou ambos :wink: . Se não for possível, eu comparecerei um pouquito mais tarde :wink:

@lafuente e @aiscarvalho, vocês vêm e vão no mesmo dia ou estavam a pensar ficar cá para Domingo?


#13

Mea culpa, parece-me que fui eu a assumir que era só o dia e não o fds, e posso ter induzido outros em erro.

Ainda assim, não me parece grande ideia alargar o encontro para o dia 1 de Outubro: sendo dia eleitoral, acho melhor o pessoal sentir-se à vontade para ir votar à vontade…


#14

Epá sem dúvida, eu pelo menos tenho de voltar cedo para o Porto pra votar, teria de sair de Lisboa pelo meio dia ou assim para voltar descansado.

Podemos pelo menos assinalar o sábado como dia certo, e na terça no IRC alinhamos os pormenores sobre domingo, e se nos encontramos tb sábado de manhã ou não?

(e um sítio onde pudéssemos assegurar as tomadas+wifi era bem fixe; eu não tenho grandes pistas em Lisboa, alguém no terreno talvez conheça?)


#15

Eu estou a ver se consigo um espaço no IST, mandei um mail na sexta de manha e, se receber, deve ser até ao final do dia de hoje. Por isso não posso ainda dar garantias.


#16

Então hoje às 21h no IRC, certo?


#17

Bem, ficou assim:

Sábado:

  • entre as 11h e 13h: conversas e preparação/planeamento + comer alguma coisa
    Local: Ponto de encontro na Gulbenkian (cafetaria do jardim), e posteriormente ir comer alguma coisa a algum sítio perto. O Francisco @core tentar-vos-à levar a um vegan mesmo ao lado :smiley: - mas logo decidem onde querem ir.
  • entre as 13h e as 19h: temos uma sala no IST (aguarda confirmação mas deve ser tranquilo)
    (eu só participarei na parte da tarde)

Domingo:
Há eleições; Lafuente não estará presente; restantes decidem no Sábado se querem continuar no dia seguinte.


#18

Para não haver desencontros, é esta a cafetaria a que nos referimos:


#19

OK, temos a sala confirmada para sábado e com acesso à internet :slight_smile:


#20

O resultado desta reunião está em https://github.com/Internet-Freedom-Lx/Estudos-sobre-Partilha . Como é óbvio, há mais para fazer do que já está feito, por isso sintam-se à vontade para contribuir!